Header AD

Regras para nomenclatura de pastas e arquivos


A falta de padronização de nomes pastas e arquivos causam muitos problemas durante a operação da rádio e compromete totalmente o correto funcionamento das listas de reprodução.

Como todos sabemos o ZaraRadio aceita o que você mandar, não é raro observar em player de rádios o título da música como Track 1, Faixa 4 ou até o nome de um site pirata para downloads de músicas. Manter uma seleção de músicas com o nome do artista e o título da música atualizados além de facilitar seu trabalho de programação e fazer o sistema funcionar corretamente sem ficar repetindo músicas em um curto espaço de tempo também indica a saúde da sua rádio, mostra a organização o seu respeito para com o artista e para com o ouvinte.

É um costume antigo (até onde eu lembro, desde a década de 90) usar no nome dos arquivos e pastas símbolos, caracteres especiais e outros artifícios para "facilitar" a localização e criar um tipo de organização que só quem fez consegue entender. Mas com tudo cada vez mais globalizado usar símbolos e acentuações específicas do nosso idioma podem causar estragos para alguém que esteja ouvindo lá do outro lado do mundo ou em um sistema desenvolvido em outro padrão de codificação como acontece com o Shoutcast atualmente, um caractere inválido pode derrubar seu streaming e causar instabilidade em todo o servidor.

Muitos desses símbolos são caracteres de controle que nem são detectados por programas de uso comum para gerenciar os arquivos via FTP como FileZilla, CuteFTP, WinSCP, etc. Esse problema tem sobrecarregado e consumido recursos em todos os níveis de suporte, devido a isso empresas de serviço de radio streaming tem colocado bloqueios via sistema, remoção automática de caracteres inválidos, mas se não colaborarmos é um trabalho inútil pois como disse muitos símbolos são indetectáveis ou usam seus mp3 como um cavalo de troia utilizando as ID3Tags (registros internos) para alterar até o nome da sua estação nos players da sua rádio.

Bem, acho que a importância ficou mais do que esclarecida... vamos ao que interessa.


As Regras para Nomenclatura de Pastas e Arquivos


Como o ZaraRadio aceita qualquer coisa que você arraste para ele (sendo uma extensão habilitada: mp3, wav, ogg, txt, exe, etc). Vou me basear no Shoutcast que é a base para todos os sistemas de streaming, se funcionar nele vai funcionar em qualquer outro.

O padrão para nome de arquivo de música (isto inclui vinhetas, comerciais e tudo que for áudio) é o seguinte:

[Nome do Artista - Titulo da Musica.mp3]

As regras:

1 - São permitidas apenas letras normais (A..Z, a..z), espaço ( ), hífen (-), ponto decimal (.) e números (0..9). Nunca utilize símbolos, caracteres especiais ou qualquer tipo de acentuação;

Por exemplo: [Paris Solemn - Surprise! (03M15S).mp3] está incorreto, o correto é [Paris Solemn - Surprise.mp3]

2 - O nome do artista e o título da música devem ser separados por espaço, hífen, espaço ( - ), muito cuidado utilize apenas 1 espaço + hífen + 1 espaço, segura o dedo nervoso para não ficar usando a barra de espaço descontroladamente, não é para agradar seu visual é uma regra técnica.

Por exemplo: [Hipercarga -Flashback.mp3] está incorreto (erro comum de digitação, 2 espaços + hífen e some com o espaço antes do título da música, o correto é [Hipercarga - Flashback.mp3]

3 - Por padrão o nome do artista vem sempre primeiro e depois do separador ( - ), vem o título da música;

Por exemplo: [Pull - Adrianna Krikl.mp3] está incorreto, o correto é [Adrianna Krikl - Pull.mp3]

4 - O tamanho máximo do nome de um arquivo não deve ultrapassar o limite do sistema operacional no caso do Windows 255 caracteres;

5 - Participações especiais devem ficar no final do título da música;

Por exemplo: [Allie Farris Feat. Scott Holmes - Love Won't Let You Down.mp3] está incorreto, o correto é [Allie Farris - Love Wont Let You Down Feat. Scott Holmes.mp3]

* Players modernos já reconhecem este padrão e utilizam as informações corretas em APIs que buscam o álbum ou a foto do artista.

6 - Caixa Alta e Caixa Baixa não tem problema, pode usar o formato que for preciso desde que não utilize os caracteres especiais símbolos ou acentuação e a extensão sempre em letras minúsculas (.mp3)*

Por exemplo: [Mega Gem - RECKLESS AMBIVALENCE.mp3]

* É só uma recomendação, alguns sistemas ignoram a música quando ela está com letras maiúsculas na extensão (.MP3)

7 - O traço embaixo (Underline) é permitido com moderação em casos que realmente você precise de outra separação ou apenas substituir espaços ele pode ser utilizado;

8 - Falando de separado, nunca utilize outro separador com hífen que não seja entre o artista e o título da música, principalmente quando você utiliza no nome do álbum.

Por exemplo: [Great White Buffalo - Detroit - Indie-Rock.mp3] é incorreto, o correto é [Great White Buffalo - Detroit.mp3], mas se quiser manter a informação, uma alternativa seria [Great White Buffalo - Detroit _ Indie-Rock.mp3]

9 - Vinhetas e Comerciais, devem utilizar a mesma regra de nomes;

Por exemplo: [Radio XYZ A Rádio que une gerações.mp3] está incorreto, o correto é [Radio XYZ - A Radio que une geracoes.mp3], ou [Vinheta - Radio XYZ A Radio que une geracoes.mp3] (neste último caso utilizando um identificador (Vinheta, VH, etc)

* É uma boa prática que você aproveite o texto que aparece na hora em que a vinheta estiver tocando para informar algo para o ouvinte, mostrar: Vinheta - 45-5-A75, não quer dizer nada pra quem está lá do outro lado vendo pelo aplicativo por exemplo.

10 - As pastas são mais flexíveis, aceitam alguns símbolos e caracteres de identificação, mas NÃO use acentuações.

Então nunca vou poder mostrar no nome correto das músicas com as acentuações e símbolos como o e comercial por exemplo?

Eu não disse isso, estamos falando até agora sobre o "nome de arquivos", arquivos estes que são carregados entre sistemas e tecnologias diferentes, onde uma acentuação ou caractere especial pode impedir o funcionamento correto da sua programação e até do seu streaming.

Os arquivos de músicas possuem registros internos, esses registros são chamados de Metatags ou mais comumente de ID3Tags (ID3v1, ID3v2.3, ID3v2.4, iTunes MP4, WMA, Vorbis Comments e APE Tags). Existem editores especiais como o MP3Tag (http://www.mp3tag.de/en/), que permitem o acesso fácil a estes registros internos que gravam o nome do artista e o nome da música com todos as acentuações e os símbolos comuns usados em nomes, além de outras informações que identificam as músicas.

Assim como no ZaraRadio essas Metatags podem ser utilizadas ao invés do nome que está no arquivo de música, por padrão somente quando não existem essas tags internas os sistemas tentam identificar a música pelo nome do arquivo, seguindo nosso padrão [nome do artista - titulo da musica].

Espero que estas informações ajudem você a evitar problemas com a transmissão e facilitar a operação da rádio trazendo mais agilidade e organização na sua programação musical.

Poxa Anderson vai dar um trabalhão alterar minhas milhares de músicas... Não desanime!

Existem aplicativos para manutenção de arquivos em massa como o Bulk Rename, MP3Tag entre outros, procure conhecer essas ferramentas que vão te ajudar com certeza, independente da quantidade de arquivos que você tenha acumulado ao longo de anos. No seu painel  você pode isntalat alguns desses programas, veja em "Menu Download".
E sempre faça uma cópia de segurança para não perder nada.

 Download: ZaraRadio 1.62 BR

Anderson Sales
TecRadio - Tecnologia para radio

Postar um comentário

Deixe seu comentário (0)

Postagem Anterior Próxima Postagem

ads1

ads2